Palermice de Bacalhau

Junho 23, 2008

Custos escondidos

Filed under: Economia,Portugal — Paulo Rosário @ 11:46 am

Já há umas semanas falei de como as pessoas sobestimam os tempos das viagens pendulares. O caso é mais grave, porque creio, que as pessoas quando fazem a sua decisão de compra esquecem-se de valorizar o recurso mais escasso de todos. Não é o petróleo. Nem o dinheiro. O tempo.

Abri um ficheiro de excel e pus-me a fazer contas, suponhamos que uma casa poupa-me meia hora de viagem para o emprego por trajecto, assumindo 250 dias de trabalho tenho que poupo 250 horas por ano. Mas como valorizar estas 250 horas? A teoria dominante da economia é por o salário por hora, mas isso talvez seja excessivo, afinal sempre posso ler e desfrutar do tempo de viagem (vide a imagem para um argumento oposto). Assim que decidi por valorizar como 80% da taxa de salário.

No entanto ainda faltam alguns detalhes, por exemplo, o meu salário não há-de ser idêntico daqui a dez anos. Escolhi 5% como o valor de referência (este exercício é altamente subjectivo). E por fim, Mil euros daqui a dez anos não vale tanto como mil euros hoje, para fazer esta conversão utilizamos a taxa de desconto, assumi 3% que na prática equivale a dizer que sou indiferente entre 766 euros hoje ou 1000 euros daqui a dez anos.
A titulo exemplificativo, parti da base de uma pessoa que ganhe 5 euros à hora. Contas feitas, a poupança ao fim de 30 anos, equivale a uma poupança de €40 200 hoje. Um número bastante significativo e que não deve, nem pode, ser ignorado.

Anúncios

2 comentários »

  1. […] post Custos Escondidos é referido que as pessoas devem ter em conta um valor elevado (€40.200) quando optam em comprar […]

    Pingback por Crise de Liquidez « Palermice de Bacalhau — Junho 23, 2008 @ 10:00 pm | Responder

  2. […] Há uns dias quando escrevi sobre os custos escondidos de comprar casas fora do centro, alguém me disse que estes custos eram psicológicos e que não davam para pagar férias. Mas a verdade é que estes custos não são meramente psicológicos, e mesmo que o fossem, a parte psicológica é parte fundamental do meu ser. […]

    Pingback por Outros custos escondidos dos movimentos pendulares « Palermice de Bacalhau — Junho 26, 2008 @ 2:17 pm | Responder


RSS feed for comments on this post. TrackBack URI

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s

Create a free website or blog at WordPress.com.

%d bloggers like this: